sábado, 6 de março de 2010

Liberta-se

Liberdade não significa condizer com as acepções das regras para um futuro; significa ter autonomia para ter suas próprias regras.O futuro tem muitos destinos, mas ele aceitará aquele que realmente sou. E no meu destino, tem uma estrada que desapareceu. Assim, eu sinto que sou do mundo numa estrada sem rumo, onde o destino é qualquer lugar.Uma parte de mim em todo lugar; essas partes que mundo afora vou buscar.

A vida precisa de uma liberdade sem regras, pois se houver regras não há liberdade.Eu conheço todas as regras, mas elas não conheciam-me.O mundo é esplendoroso demais para fixarmos em um único lugar.Procuro o caminho pra onde o céu encontra a terra.Talvez, esteja em um planeta desalinhado, fora de nossas vistas.Nessa estrada de um ser sem preocupação, de um ponto sem retorno.

REINVENTAR-SE: RENASCER

Reinventar-se: tornar a inventar. A vida seria bem mais agradável se soubéssemos o valor da reinvenção. Simples!!!A natureza sábia já nos ensina. É preciso renascer como no amanhecer de um novo dia. Assim, surge lentamente o sol com uma sombra que caminha junto com as montanhas e clareiam as negras nuvens. Colorindo o céu com raios vibrantes em laranja e vermelho. Ao longe, me mostra a beleza de um novo horizonte. E quanto mais sua luz vai invadindo a terra, o que a noite não revela, o dia mostra pra mim. Logo, a noite daria lugar ao dia e com ele a beleza que se apodera de tudo. Agora, somos sós eu e o mundo e tudo começa aqui.

Como um velho barco toda vez que vê o mar e fica confuso, com vontade de zarpar. Ver o mar é renascer. É saber que temos obstáculos para atravessar. Perseverança. Como as ondas batendo no casco do velho barco. Devemos renascer e enfrentar mesmo que o casco esteja velho e corroído. Ver o mar, às vezes, é preciso. Apenas para termos a certeza de ainda estar-se vivo.

Escravos da Aparência

Cirurgia plástica,silicone,lipoaspiração,botox,massagens faciais,drenagens linfáticas,academias.O ser da atualidade transformou-se em uma vitrine.Não importa mais sua moral,conduta,ética, o importante é ter aparência.Mostrar que "Quem vê cara NÃO PRECISA ver coração."Um toque aqui ,uma esticada ali,perfeito!!!Em meio a modernidade, somos "escravos da aparência".

A ciência evolui no ramo da estética e consigo leva a perspectiva da "juventude eterna".Nunca estamos satisfeitos.Queremos sempre mudar algo no corpo que nos desagrada.Buscamos o modelo perfeito em pessoas ligadas à mídia.Almejamos diferentes personagens ilustres.

Luiz Henrique Costa, 21 anos, 1,68 de altura, cabelos crespos, olhos pretos.Trabalhara os últimos quatro anos como revendedor.Com sua experiência resolvera procurar uma empresa de maior porte.Mas quando fora fazer a entrevista de prache, ouviu o mais decepcionante de sua vida até então.Desculpe-nos, mas o senhor não tem o perfil estético de exigência da empresa.

Este talvez seja o preço que pagamos por um lado da evolução.A exclusão aumenta em meio a tantos rostos bonitos, cheios de "tecnologias".Tendo um rosto desses, com certeza você estará empregado em muitas empresas espalhadas por aí.Lembre-se: atitude não é nada; aparência é tudo.

Portanto,antes de dar umas voltinhas pela cidade dê uma recauchutada no visual, pois " os olhos da rua " lhe espera, para descrever sua personalidade através de sua aparência.

INDAGAR

Estamos sempre procurando respostas para as questões impostas pela vida em nosso dia-a-dia. Estabelecemos o melhor meio e resolvemos parte de uma situação. Mas muitas vezes preocupando-nos somente com as respostas, esquecemos de questionar. E questionar é essencial. Um simples “por quê”.

Indagar leva-nos, a saber. Buscar explicações para certo contexto da vida. Cria-se um senso crítico, formação de opinião. Sabemos discutir e colocar nosso ponto de vista. Colocamos dúvidas nas“certezas”.Preparamos nosso espírito para a luta e expomos nossa ideologia.Mudamos o rumo da vida.

Questionar é lidar. Contém um desafio que coloca em prova a autenticidade do “desvendado”. Adquirimos conhecimento. Abre-se a mente. Se ao invés de preocuparmos-nos sempre em responder, procurássemos indagar, resolveríamos muito mais nossos problemas. Devemos ser mediantes em indagar para depois respondermos.

TEMPO É ATITUDE

Atitude é tudo. Através dela tomamos rumos em nossa vida, mesmo que sejam por promessas(esperança baseado em aparência). Se não temos iniciativa para com as circunstâncias da vida, ficamos sem identidade. O ser que não possui identidade é aquele desprovido de ideologia. E sem ideologia não agimos da maneira que pensamos e sentimos. Deixamo-nos levar pela alienação. Atitude é decisão.

Tempo: caminha junto com a decisão. Ele é nosso aliado. Somos nós que o fazemos. Não devemos cruzar os braços e ver a vida passar. Tempo é presente. Numa fração de segundos podemos mudar tudo. Podemos fazer com que ele seja mais rápido ou mais lento. Amigo ou inimigo. Feliz ou triste.

Pense!!!Não deixe as oportunidades passarem. Tome atitude ou ficarás arrependido para o resto de seus dias. O tempo não volta. Não podemos mudar o que já se tornou passado. Lembre-se: é só agir no momento certo.

CIÊNCIA MODERNA

Era uma vez um futuro incerto que, agora, são apenas métodos. Científicos ou populares. Para tudo há uma explicaçao, mesmo sendo esta, emoção. Até minha reação tornou-se um gráfico. A ciência explica tudo. Clonamos seres, modificamos seu desenvolvimento para curto ou longo prazo. Vivenciamos tudo na medida traçada ou pontilhada em um cartesiano por aí.

Psicólogos, psiquiatras. Tentam compreender nós seres imersos nessa modernidade. Buscam explicação para tal comportamento. Deixam de lado o inexplicável já que estamos no período da “ciência moderna”; onde tudo é previsível. Por mais abstrato que seja.

Psicanalistas: sabem do seu passado, presente e futuro. Traçam todo seu comportamento. Dizem até quando irá chorar ou sorrir. É o mundo na ponta de um lápis em duas retas perpendiculares. Ali lhe mostram sua identidade. Interpretam tudo. É a ciência do inconsciente. Prever as reações de uma pessoa mesmo no campo emocional, não é mais um mistério. Pois há algum critério imposto pela ciência moderna.

O EQUILIBRIO DO SER HUMANO

O equilíbrio está no paradoxo. Tristeza e felicidade, amor e ódio, sofrimento e alívio, vitória e derrota. A vida chama-nos para a luta com seus paradoxos desafiantes. Temos que edificá-la compensando essas oposições. Sem paradoxo não seríamos vívidos. Nosso eterno desafio é sabermos lidar com os dois lados de uma situação e, na decisão, equilibrar razão/emoção.

A razão precisa atuar junto com a emoção para que a racionalidade seja desejada e o comportamento valorizado. O ser em si carrega a dualidade dos paradoxos naturais da vida que são indicados por alguma razão. Basta a este ser, fazer com que suas “inclinações” não destruam as razões das quais lhe mostram que, a chama da vida está no impulso e sentimento, circunstâncias de algum momento.

O Homem Modernístico

Atualmente a tecnologia se aprimora cada vez mais.Com o objetivo de trazer-nos conforto, praticidade, agilidade, inovação; o homem torna-se um ser patético e modernístico.Computadores, celulares, palm-tops, bips, relógios digitais, câmeras fotográficas de última geração,fax etc.Somos dependentes dessa tecnologia e muitas vezes não percebemos.

Você identifica facilmente o seu "ser modernístico" quando: envia uma mensagem instantânea de "MSN" para conversar com a pessoa quem trabalha na mesma sala que você; usa o celular na garagem do prédio para pedir a alguém que o ajude a desembarcar as compras; ao esquecer-se o celular em casa, volta desesperado para buscá-lo; levanta pela manhã e quase liga o computador antes de tomar o café; nunca soube o preço de um envelope comum e quando seu computador pára de funcionar, parece que seu coração também parou.

Desvalorizamos completamente o diálogo , o contato, a escrita, a coletividade, até mesmo o simples cumprimento pelas ruas de "bom dia, boa tarde, boa noite!!!".Nos deparamos todos os dias com pessoas extremamentes apressadas.Tempo é dinheiro e, não pode se dar ao luxo de uma rápida conversa do dia-a-dia.A modernidade transformou os hábitos, tornou-se essencial e até mesmo, uma virtude do ser.

Hoje, dentro desse homem modernístico, mundo comtemporâneo, isolamento é metáfora de comunicação.

CASAMENTO: SEGURANÇA OU INCERTEZA?

Casamento designa segurança , família , convivência harmoniosa , projeção da base para um futuro promissor , união , respeito , e principalmente amor.E o que é um casamento sem amor? O amor é a base de tudo.Sem ele não há cumplicidade , esperança , felicidade , casamento.Amor é a sustentação da família.Com este amor , cada família adquire suas próprias características e costumes que passam de geração em geração.Nunca perdem sua autenticidade.Família sempre traz consigo a confiança.

A família representa um grupo social primário que influencia e é influenciado por outras pessoas e instituições. É um grupo de pessoas, ou um número de grupos domésticos ligados por descendência (demonstrada ou estipulada) a partir de um ancestral comum, matrimónio ou adoção.

As pessoas casam-se na esperança de ter uma segurança, sustentabilidade de seu futuro, mesmo que este seja fictício para os dias atuais que detém uma sociedade desunida, desprovida do "amor" necessário para que se possa haver um casamento.As pessoas partem de promessas(esperança baseada em "aparência") para que não haja engano quanto a escolha do parceiro(a) para construção de um futuro longo e duradouro.Muias vezes essas escolhas são simétricas, ou seja ,a pessoa se liga a um parceiro(a) que se assemelha: ao que se é; ao que se foi; ao que gostaria de ser; ao que possui uma parte do que se foi.Também há os casos que acham nada mais certo que o famoso ditado: "os opostos se atraem".

Com tudo, este vínculo se estabelece para uma relação de sustentabilidade como dito anteriormente.Apesar de serem promessas, sempre buscamos as maiores informações possíveis quanto ao próximo para que possamos nos sentir seguros e com isso, estabelecer uma relação , um elo , que deixará marcas para vida inteira.

Seguidores